Blog Toques & Dicas da eNT www.nadiatimm.com

Blog Toques & Dicas, seção da Revista Eletrônica Nádia Timm - eNT

29.12.04

Como ajudar aos atingidos pela Tsunami


A Cruz Vermelha no Brasil anunciou hoje como os brasileiros podem ajudar aos flagelados do Tsunami que atingiu o leste da Ásia no último domingo.

O fenômeno que formou uma onda de até 15 metros de altura e velocidade de até 600 km por hora, deixou um rastro de destruição em pelo menos oito países da Ásia e um da África. O número de mortos pode chegar a cem mil.

Conta da Cruz Vermelha para doação em reais
BankBoston
Agência: 010
Conta: 313231-06
CNPJ: 04359688-0001-51


Cruz Vermelha no Rio de Janeiro
(21) 22210658


26.12.04

Como elaborar projetos sociais e captar de recursos?


A colaboradora Ana Luísa Silva Menscovitch dá a dica:

O Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo vai promover, no dia 27 de janeiro, das 8h às 17h, um workshop sobre projetos sociais e captação de recursos.

Serão abordados os seguintes temas de trabalho: principais variáveis que impactam e condicionam o comportamento das organizações na elaboração de projetos, indicadores de avaliação, acompanhamento e gerenciamento, fatores de risco, elaboração de cronograma, orçamento e fluxo de caixa e usos de fontes e agentes financeiros.

O investimento é de R$ 160. As inscrições feitas até 4 de janeiro terão desconto de R$ 30. Mais informações pelos telefones (11) 3313-1877 ou pelo fax (11) 3228-1690.

23.12.04

BID recebe propostas para o Programa de Desenvolvimento Cultural

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) recebe inscrições para seu Programa de Desenvolvimento Cultural até o dia 31 de janeiro de 2005.

A proposta é apoiar projetos de instituições sem fins lucrativos capazes de favorecer a preservação e restauração do patrimônio histórico cultural, ajudar na formação de gestores culturais ou promover a recuperação de tradições e o desenvolvimento de manifestações artísticas que beneficiem o desenvolvimento individual e comunitário e a sustentabilidade.

O programa também procura estimular atividades de centros de desenvolvimento cultural que divulguem experiências institucionais, ou comunitárias, com potencial para serem disseminadas em âmbito local e regional.

Os projetos selecionados receberão um valor de US$ 3 mil a US$ 10 mil. Detalhe: a contrapartida não poderá ser inferior a um terço da quantia solicitada. Informações podem ser obtidas pelo endereço eletrônico CIP@iadb.org

17.12.04

Projetos científicos em saúde receberão um milhão de reais !




O Ministério da Saúde do Brasil quer ampliar o apoio a eventos científicos ligados ao setor de saúde. Em vez dos 14 projetos que receberam apoio ao longo de todo o ano passado, a idéia agora é garantir suporte a pelo menos 20 eventos apenas na primeira metade do ano.

Para isso, o Departamento de Ciência e Tecnologia (Decit) pretende investir R$ 1 milhão. A primeira chamada pública de 2005 para apoio a eventos científicos em saúde a serem realizados entre abril e setembro se encerrarão no dia 25 de janeiro.

Cada um dos projetos contemplados deve receber até R$ 50 mil. Para se cadastrar, a instituição, associação ou sociedade científica deverá preencher um formulário online disponível no endereço www.saude.gov.br/sctie/decit e enviar, via correio, a documentação comprobatória exigida.

Para participar da seleção, os eventos devem ter caráter nacional ou internacional, ser de médio ou grande porte e promovidos por instituições, associações ou sociedades científicas. Mais informações podem ser solicitadas pelo correio eletrônico deciteventos@saude.gov.br ou pelo telefone (61) 315-3298.



16.12.04

Em Porto Alegre, boas novas para o pessoal de teatro


As inscrições para a quinta edição do Concurso Nacional de Dramaturgia - Prêmio Carlos Carvalho estão abertas até 20 de dezembro, na Coordenação de Artes Cênicas da Secretaria Municipal da Cultura (Avenida Erico Verissimo, 307), Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

Regulamento e informações podem ser obtidos no local, no site www.portoalegre.rs.gov.br/cultura/cac ou pelos telefones (51) 3221-6622, ramais 233, 234 e 257.


14.12.04

CNBB cria Pastoral da Pessoa Idosa. Preconceito de idade é mais que desrespeito...




A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) acaba de criar a Pastoral da Pessoa Idosa. A nova entidade será comandada por parte da equipe da Pastoral da Criança, entre elas a coordenadora desta entidade, Zilda Arns.

Um de seus objetivos será incentivar a criação de conselhos municipais e estaduais de direitos das pessoas idosas.

Além disso, fiscalizará o cumprimento do Estatuto do Idoso. O Brasil tem atualmente mais de 17 milhões de pessoas com mais de 60 anos.

9.12.04

Conselho Estadual de Cultura do Rio de Janeiro premia gente que faz

O Conselho Estadual de Cultura (CEC) anunciou ontem os vencedores, por
unanimidade, dos prêmios Golfinho de Ouro (na categoria Cinema: Silvio
Tendler); e do Estácio de Sá (na categoria Arquitetura, Urbanismo e
Paisagismo: Fundação Oscar Niemeyer; e na categoria Ciências: Casa de
Oswaldo Cruz). Ao todo, foram agraciados 12 profissionais com o Prêmio
Golfinho de Ouro e 12 instituições com o Prêmio Estácio de Sá.


A atriz e diretora Bibi Ferreira venceu o Golfinho de Ouro das Artes Cênicas
por quase unanimidade (recebeu 20 dos 21 votos), assim como o Tempo Glauber,
que levou o Estácio de Sá na categoria Cinema (com 20 votos e 1 abstenção).
Após a proclamação dos resultados feita por Ricardo Cravo Albin, presidente
do CEC, o diretor do Museu de Arte Moderna, Hélio Portocarrero, renunciou ao
cargo de Conselheiro de Cultura pelo fato de o MAM ter perdido o Prêmio
Estácio de Sá em Artes Plásticas para o Instituto Carlos Scliar.



Outros ganhadores do Golfinho de Ouro foram Maria Bethânia (Música); Lêdo
Ivo (Literatura); Cleonice Berardinelli (Educação). Outros vencedores do
Prêmio Estácio de Sá foram o Teatro Rival (Artes Cênicas), a TVE
(Comunicação) o Preservale (Patrimônio Histórico).



Concorreram ao Golfinho 31 nomes indicados (17 na capital e seis no interior
e Baixada). O Prêmio Estácio de Sá foi disputado por 25 nomes (13 na capital
e nove no interior e na Baixada). Os premiados foram escolhidos por 25
pessoas de notável saber, entre elas membros da Academia Brasileira de
Letras e reitores.



Ontem foram anunciados também os homenageados com o Prêmio Governo do Estado
do Rio De Janeiro: Lily Marinho, Moacyr Werneck de Castro e a Associação
Cultural da Arquidiocese do Rio de Janeiro. O Prêmio Governo do Estado foi
criado em 1977 e é concedido a três pessoas físicas ou jurídicas de
destaque.



Já o Golfinho de Ouro e o Prêmio Estácio de Sá, outorgados anualmente pelo
CEC desde 1988, foram criados em 1967. O nome Golfinho alude às armas do
brasão do antigo Estado da Guanabara e de Estácio de Sá, fundador da cidade.
A cerimônia de entrega dos prêmios será realizada em março, na Sala Cecília
Meireles.

8.12.04

Política Cultural em Goiânia... com a palavra, Celso Serqueira

Salve, pessoal!

Pra quem não está acompanhando as coisas políticas de Goiânia, temos indicações alvissareiras sobre a nova gestão da secretaria de Cultura. Como a maioria já sabe, estão em voga para o cargo os confrades Marcos Fayad e Px Silveira.

Ora, a Confraria dá gargalhadas de alegria, porque qualquer um dos dois tem experiência, seriedade e competência de sobra para fazer nos próximos quatro anos o trabalho que o pessoal do Pedro Wilson não fez - negligência que causou muitos estragos na área cultural, inclusive, a renúncia coletiva da Comissão de Projetos Culturais conduzida por mim naquela época.

É provável até que o novo secretário corrija as deformações a que foi submetida a Lei da Cultura e a torne novamente um instrumento democrático de apoio aos artistas, acabando com o balcão de favorecimento pessoal em que foi transformada. Sonho? Não creio, acho que dessa vez a coisa vai.

E se for, a Confraria da Cultura terá ânimo renovado para voltar plenamente à ativa, apoiando ou criticando, como sempre! 2005 promete!

Abraços,

Celso M Serqueira

confrade1@yahoo.com.br

7.12.04

Cultura Popular é tema de Seminário

Será realizado em Brasília, de 23 a 26 de fevereiro de 2005, o Seminário Nacional de Políticas Públicas para as Culturas Populares.

A iniciativa do Ministério da Cultura será realizada pela Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural.

O Seminário é fruto de um diálogo com segmentos da sociedade civil e visa ampliar a discussão em busca de modos de atuação e políticas que fortaleçam a pluralidade brasileira por todo o país.

Ao levar em conta os contextos locais de decisão, abre espaço para a participação de indivíduos, grupos e comunidades, contribuindo de modo efetivo para a cidadania.

É crescente o reconhecimento da importância da diversidade, das especificidades e do valor artístico e cultural das manifestações populares como parte fundamental do processo de inclusão social, econômica e de desenvolvimento humano.

A longa história de exclusão dos segmentos populares das políticas públicas do nosso país, ao lado da segregação social e racial, é determinante na desvalorização de suas produções culturais.

O objetivo do Seminário é contribuir para o processo de formulação de políticas públicas para as Culturas Populares, indicando diretrizes e ações destinadas ao reconhecimento e fomento às atividades artísticas e culturais populares.

Já estão sendo realizadas Oficinas Preparatórias em vários estados brasileiros. Em Brasília, a Oficina Preparatória será realizada no dia 18 de janeiro de 2005, na Funarte, Sala Cássia Eller, das 9h as 18h.

Contatos da Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural:

(61) 316 2105 / 2102 - diversidadecultural@minc.gov.br

Inscrições para a Oficina Preparatória podem ser feitas diretamente na Funarte/DF.

Leonardo Hernandez
Tel: (61) 226 9228 / 1132

6.12.04

Boa para os artistas. Saiu o edital para exposições no Museu de Arte de Goiânia

Veja aí:


Museu de Arte de Goiânia - Edital 2004 /2005
Apresentação de Projeto para Exposições:

1. Estarão abertas de 15 de dezembro de 2004 a 30 de janeiro de
2005 , as inscrições para o Programa de Exposições de 2005 do Museu
de Arte de Goiânia, MAG.

1.2. O Programa de Exposições de 2005 do Museu de Arte de Goiânia é
direcionado a obras bidimensionais de médio e pequeno porte, bem como
a tridimensionais que não ultrapassem 1,50 de altura.

2. Os artistas interessados deverão inscrever-se mediante o envio de
portfólios e preenchimento da ficha de inscrição.

2.1. Os portfólios deverão conter:

2.1.1. Documentação fotográfica em cores (de 05 (cinco) a 10 (dez)
fotografias), de trabalhos recentes, sendo imprescindível que cada
uma das fotos traga sua identificação registrada no verso (nome do
artista, título, técnica, dimensão da obra e demais dados que julguem
necessários).

2.1.2. Documentação sobre a obra do artista, como: catálogos, textos
ou impressos em geral, sendo este item condição obrigatória para o
artista inscrever-se no programa de exposição a que se refere este
edital.

2.1.3. Curriculum Vitae (restrito á identificação, formação artística
e atividades culturais), com endereço, telefone e e-mail para contato.

2.2. Não serão aceitas obras para efeito de inscrição.

2.3. O material especificado deve estar contido em envelope ou
embalagem apropriada com o nome do artista, A/C da Diretoria do Museu
de Arte de Goiânia, MAG - Rua 1 Nº 605 - Setor Oeste - Goiânia -
Goiás - CEP:74115-040

2.4. Os portfólios poderão ser enviados pelo correio com ficha de
inscrição preenchida, com data de postagem até 30 de janeiro de 2004.

2.5. Os artistas que queiram se inscrever diretamente deverão
dirigir-se ao Museu de Arte de Goiânia, MAG, à sexta-feira, no
horário das 9 às 12 h e das 14:00 as 17hs, endereço especificado no
item 2.3.

2.6. Informações gerais sobre o programa de exposições a que se refere
este edital poderão ser obtidas no mesmo local e horário, ou pelo
telefone (62) 524-1190.

2.7. Os portfólios de todos os artistas inscritos, selecionados ou
não, estarão na Diretoria do MAG, à disposição dos artistas e deverão
ser retirados no período de 15 de fevereiro a 10 de março de 2005.
Após esta data, o MAG não se responsabiliza pela guarda dos mesmos.

3. Os portfólios serão examinados e selecionados pelo Conselho
Curador do MAG com o auxilio de 02 convidados de notório saber.

4. Os resultados serão divulgados a partir de 14 de fevereiro de 2005.

5. Disposições gerais:

5.1. O Programa de Exposições 2005 será organizado da seguinte maneira:

5.1.1. Os artistas serão selecionados para a Sala de Exposições
Reinaldo Barbalho.

5.1.2. Ficará a cargo do júri de seleção a organização das datas/
calendário para a mostra das obras dos artistas selecionados.

5.2. O programa de exposições poderá ser complementado com a
apresentação de artistas convidados pelo Museu de Arte de Goiânia, MAG.
5.3. Ficará a cargo da Direção do Museu de Arte de Goiânia, MAG, a
decisão final sobre a distribuição do espaço entre artistas.

5.4. A entrega e retirada das obras deverão ser efetuadas nas datas e
prazos estabelecidos oportunamente pelo MAG.

6. Aos artistas selecionados caberão as seguintes obrigações:

6.1. Fornecer equipamentos e materiais especiais, eventualmente
previstos e não disponíveis no Museu de Arte de Goiânia e na
Secretaria Municipal de Cultura de Goiânia.

6.2. Entregar e retirar as obras a serem expostas nas datas e prazos
estabelecidos oportunamente pelo MAG.

6.3. Responsabilizar-se pelos encargos relativos à embalagem,
transporte e seguro das obras a serem expostas e coquetel de abertura
(havendo interesse). No caso de montagens não tradicionais, que exijam
materiais especiais estes deverão ser providenciados pelo artista.

6.4. O projeto gráfico do convite deverá ser entregue para aprovação
institucional e para divulgação o artista entregará material
fotográfico, texto sobre a exposição e informações detalhadas 45 dias antes da
data marcada para a exposição.

6.5. Assinar termo de compromisso com o Museu de Arte de Goiânia,
MAG, quando por ele solicitado.

7. Ao Museu de Arte de Goiânia, MAG caberá:

7.1. A divulgação de todas as mostras previstas via programa de
exposição.

7.2. O apoio técnico para a montagem e a desmontagem das exposições.

7.3. Prover as condições técnicas necessárias à proteção das mostras
a qual refere-se este edital.

8. Os casos omissos serão resolvidos pelo Conselho Curador do Museu
de Arte de Goiânia.

9. O ato de inscrição do artista ao programa de exposições implica na
plena e expressa aceitação das normas constantes neste edital.

10. Exposição será oficializada mediante a assinatura do Termo de
Compromisso entre o Museu de Arte de Goiânia e o artista proponente.






/



1.12.04

Dica pro pessoal de teatro: na Laura Alvim ( Rio de Janeiro) rola ensaio aberto...

O Curso Clássicos do Teatro, da Casa de Cultura Laura Alvim, está apresentando ensaios abertos de ROMEU E JULIETA e recebendo novas inscrições para o estudo e montagem de ANTÍGONA, de Sófocles.

- Os interessados podem fazer suas inscrições na Casa de Cultura Laura Alvim, segundas e quartas, às 18h.

Informações:
Tel: 21.2256-0930; 9877-2916
http://ig.artes.com/homem/class_img.htm

ROMEU E JULIETA, de William Shakespeare
Casa de Cultura Laura Alvim - Av. Vieira Souto, 176. Ipanema. Rio.
Ensaio aberto dia 08 de dezembro de 2004, às 21:00h.

- Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente às segundas e quartas, às 18h, na Casa de Cultura Laura Alvim, com os integrantes do grupo.
-------------------------------------------------------

ROMEU E JULIETA

Um clássico da juventude que fala a todos os povos:

Em busca da comunicação direta, pessoal, a presente montagem de Romeu e Julieta vem falar na linguagem do hip-hop, do samba, do pagode, da bossa-nova, ambientar na vida do Rio de Janeiro o conflito entre Montecchios e Capuletos, localizando seus personagens nas tribos e nos grupos da população desta cidade. Os matizes, cores, formas, sombras e luzes de Romeu e Julieta, de Shakespeare, encontram legitimidade própria, em termos atuais, quando “dropamos" cenicamente toda a sua poesia, vivenciando a ação nas trilhas e "waves" da contemporaneidade carioca.

Samba no pé, beijo na boca, jogo de cintura, queda de asa, golpe de sorte e bola na rede; Rua, ladeira, viela, avenida, esquina e balcão; Escutando um pagode, devorando um churrasco, do alto de um par de havaianas, no chopp da night, com ou sem batata frita, a chapa esquenta, da beira das calçadas às coberturas, campeões virtuais gritam o gol nosso de cada dia.

O espetáculo

Atores em palco livre, construindo os ambientes e os climas a partir do estudo corporal das atitudes e posturas que a arquitetura e a geografia sugerem, revezando-se pelos personagens que povoam a ação de Romeu e Julieta, de William Shakespeare, com uma guerra ao fundo, em ávidos debates e intermináveis disputas acerca das questões do amor:

Suas tentadoras e deliciosas conveniências
X
Suas desconcertantes e perigosas inconveniências.

Texto: Romeu e Julieta.
Autor: William Skakespeare.
Tradução: Onestaldo de Pennafort.

Direção: Mariozinho Telles.
Ass.Dir.: Maria Rita Rezende.
Expressão Vocal: Jane Celeste Guberfain.
Expressão Corporal: Elid Bittencourt.
Trilha: João Marcelo Heinz.
Figurinos: Mônica Kolhanig.


Elenco:

Rodrigo Pimenta, Viviane Maranhão, Maria Rita Rezende, Rogério Silvestre, Priscila Villas Boas, Sofia Portto, Vanessa Fortini, Sandra Rodrigues, Caroline Ornstein, Gustavo Arruda e Rudá Peralta.

Duração: 1h30min

Contatos:
Maria Rita Rezende
Tel: 21.2256-0930 / 9649-7326 / 9877-2916
E-mail: teatro@artes.com
http://multy.com/homem